Partilhar

13 brincadeiras folclóricas brasileiras

 
Por Letícia Lima. Atualizado: 22 maio 2019
13 brincadeiras folclóricas brasileiras
Imagem: diadeaprenderbrincando.org.br

Curupira, Cuca, Saci Pererê, Iara, Boitatá… Quem não conhece esses personagens típicos do folclore brasileiro? De origem inglesa, a palavra folclore é uma junção dos termos folk (que significa povo) e lore (que significa conhecimento). Ou seja, o folclore é o conhecimento trazido pelo povo, seus costumes, crenças e até mesmo a forma de brincar!

De acordo com artigo publicado por Cleudet de Assis Scherer na Revista Educativa-Revista de Educação[1], as cantigas folclóricas são uma maneira de passar às próximas gerações histórias e crenças culturais através da oralidade. Mas muito mais do que transmitir essa história, é carregar os valores que compõem a cultura brasileira e todos os componentes que a influenciam.

O mesmo vale para as brincadeiras folclóricas e populares de roda, que incentivam uma organização coletiva e ao mesmo tempo reafirmam os valores de tradições culturais interagindo de maneira social e saudável, conhecendo lendas e histórias que estimulam a imaginação e a criatividade. O folclore faz parte da identidade nacional e ajuda a criar um sentimento de tradições e passado em comum. No entanto, uma vez que o Brasil é um país de proporções continentais, cada região tem seu folclore específico. Neste artigo do umCOMO você vai aprender a brincar com as melhores brincadeiras folclóricas: ariah pexih, gato e rato, batata quente, pé de lata, polícia e ladrão, escravos de Jó e amarelinha!

Também lhe pode interessar: 27 brincadeiras de perguntas para amigos

Brincadeiras folclóricas da região Norte

A região Norte abrange uma parcela significativa do território brasileiro e dela fazem parte os estados do Amapá, Acre, Amazonas, Rondônia, Roraima, Pará e Tocantins. É na região Norte que está a Floresta Amazônica e, devido a esse contato com a natureza, o folclore da região é bastante forte.

Ariah Pexih

Uma brincadeira folclórica típica da região Norte é o Ariah Pexih (que significa “pé de galo” em tupi), e é uma boa opção para brincar na piscina, na lagoa, no rio ou na praia. Nessa brincadeira, as crianças sobrepõem as mãos para formar uma espécie de torre - feita a torre, elas sacodem as mãos cantando repetidamente “Ariah Pexih, Ariah Pexi”. Quando a música acaba, todos têm que mergulhar na água!

Gato e Rato

Outra brincadeira folclórica da região Norte é o Gato e Rato. Essa brincadeira precisa de quatro participantes:

  • Dois batem a corda;
  • Um é o gato;
  • Um é o rato.

Enquanto o participante que é o rato pula a corda, ele está a salvo dos ataques do gato. No entanto, quando para de pular, é perseguido pelo gato - e só volta a ficar isolado do jogo quando volta a pular. Divertido, não é?

Brincadeiras folclóricas do Nordeste - jogos folclóricos

Fazem parte da região Nordeste os estados do Alagoas, Bahia, Ceará, Maranhão, Paraíba, Pernambuco, Piauí, Rio Grande do Norte e Sergipe. O Nordeste tem diversas brincadeiras folclóricas que vão entreter a garotada.

Batata quente

Uma muito popular é a batata quente: nesse jogo folclórico, as crianças ficam sentadas em roda e vão passando a “batata quente” (que pode ser uma bola, uma pedra, etc) para o colega do lado, enquanto uma música toca no fundo. Quando a música parar, quem tem a batata quente na mão sai do jogo.

Pé de Lata

Entre os brinquedos folclóricos mais populares no Nordeste está o pé de lata. Para construir esse brinquedo, são necessárias duas latas vazias e um barbante. Um adulto deve fazer dois furinhos na lateral de cada lata para passar o barbante, que deve ser de altura suficiente para que a criança possa segurá-lo. Após o brinquedo pronto, o pequeno ficará alguns centímetros mais alto!

13 brincadeiras folclóricas brasileiras - Brincadeiras folclóricas do Nordeste - jogos folclóricos
Imagem: uol.com.br

Brincadeiras folclóricas brasileiras da região Sudeste

Na região Sudeste do Brasil estão os estados do Espírito Santo, Minas Gerais, Rio de Janeiro e São Paulo.

Bolinha de gude

Os jogos com bolinha de gude são jogados em todo o Brasil mas tem um histórico de popularidade dentre as brincadeiras folclóricas brasileiras da região Sudeste. Existem diferentes maneiras de jogar bolinha de gude, a menos complexa é aquela que é conhecida como 'mata-mata', em que o jogador simplesmente precisa a bolinha do adversário e vice-e-versa.

Escravos de Jó

Outro jogo folclórico muito popular entre as crianças é o Escravos de Jó, muito parecido com a batata quente da região Nordeste. Sentadas em roda, as crianças passam um objeto (que pode ser uma bola, uma almofada, etc) umas paras as outras enquanto cantam a seguinte cantiga: "Escravos de Jó jogavam Caxangá, tira, põe, deixa o Zé Pereira ficar / Guerreiros com guerreiros fazem zig - zig - zá." Quando a música para, quem está com o objeto na mão é eliminado do jogo!

Jogo de botão

O jogo de botão, ou futebol de botão, é uma das brincadeiras folclóricas e populares brasileiras de origem portuguesa. Um superfície de madeira, 27 botões e uma bolinha (pode ser improvisada de papel alumínio), duas traves feitas de giz ou fita na superfície de madeira (ou no chão mesmo) se transformam em um emocionante campo de futebol para duas crianças e um, possível juíz. Os botões fazem o papel dos jogadores e quem os controla, um por vez, são as crianças, utilizando outro botão para tocar os botões em campo.

Polícia e ladrão

Um dos jogos folclóricos mais comuns em toda a região é o polícia e ladrão, um tipo de pique-esconde. Nesse jogo, os “ladrões” se escondem e o participante que faz a “polícia” tem que encontrá-los. Saiba mais sobre este jogo no artigo Como brincar de polícia e ladrão.

Brincadeiras folclóricas educação infantil

Amarelinha

Uma boa opção de brincadeiras folclóricas para maternal e educação infantil é a amarelinha, muito comum em todo o Brasil e muito fácil de ser organizada, pois exige poucos recursos. Os elementos para compor essa brincadeira são:

  • Giz para riscar a amarelinha no chão;
  • Pedrinha para escolher os quadrados.

Para fazer a amarelinha, desenha-se um traçado no chão que vai da terra ao céu, e entre eles sete quadrados numerados, como na imagem. A brincadeira consiste em a criança jogar a pedrinha em um quadradinho o mais próximo possível do “céu” e ir pulando até lá. Mas cuidado! Não é permitido pisar no quadrado onde está a pedrinha e você só pode usar um pê para pisar o chão. O grande desafio desse jogo é manter o equilíbrio.

Cabra-cega

Dentre as brincadeiras folclóricas para educação infantil também podemos incluir a cabra-cega (cobra-cega ou galinha cega) [2], que funciona assim:

  1. Uma pessoa é escolhida para ter os olhos vendados;
  2. De mãos dadas, todos formam uma roda;
  3. A pessoa vendada vai para o meio da roda e precisa tentar tocar alguém para ser a nova cabra- cega;
  4. Enquanto isso as pessoas de mãos dadas podem girar a roda para fugir da cabra cega, mas se soltarem as mãos a pessoa que estiver do lado esquerdo de onde a roda 'se quebrou' será a nova cabra-cega.

Pião

O pião é uma dos brinquedos e brincadeiras folclóricas brasileiras de origem portuguesa [3] que pode ser jogado entre crianças e adultos, para isso, é preciso ter o pião! O jogo funciona assim:

  1. Enrola-se o cordão em volta do pião de maneira bem firme, do topo até a pontinha;
  2. Então, a pontinha que sobrou deve ser enrolada na ponta do dedo indicador;
  3. Feito isso, é hora de lançar o pião com muita habilidade para que ele possa girar e encantar os seus espectadores!

Veja também: 25 brincadeiras ao ar livre para jovens

13 brincadeiras folclóricas brasileiras - Brincadeiras folclóricas educação infantil
Imagem: primeiramao.pt

Brincadeiras folclóricas brasileiras indígenas

As brincadeiras indígenas têm um papel fundamental no repertório de brincadeiras folclóricas brasileiras. Algumas bem populares são:

Cama de gato (jogo do fio)

Para jogar cama de gato é preciso apenas ter um barbante com as pontas amarradas entre elas. Então, começa uma brincadeira muito divertida e engenhosa cujo tutorial você pode conferir neste vídeo do link.

Peteca

A peteca talvez seja uma das mais famosas brincadeiras folclóricas brasileiras indígenas e ao mesmo tempo faz parte da lista de brinquedos folclóricos. Ela pode ser confeccionada com a palha do milho, areia, barbante e penas. Dentre as diferentes maneiras de jogar peteca, a mais simples consiste, exclusivamente, em não deixar a peteca cair.

Jogue também: 27 brincadeiras de perguntas para amigos

13 brincadeiras folclóricas brasileiras - Brincadeiras folclóricas brasileiras indígenas

Se pretende ler mais artigos parecidos a 13 brincadeiras folclóricas brasileiras, recomendamos que entre na nossa categoria de Atividades recreativas.

Referências
  1. DE ASSIS SCHERER, Cleudet. A contribuição da música folclórica no desenvolvimento da criança. Revista Educativa-Revista de Educação, 2010, 13.2: 247-260.
  2. NASCIMENTO, Cintia Lyse Alves; ZATUR, Eva; PEREIRA, Fernanda Rocha. Brincadeiras tradicionais infantis. Zero-a-Seis, 2000, 2.3: 1-5.
  3. DE ALENCAR, Edvonete Souza; DE OLIVEIRA, Mariane dos Santos. História da Educação Infantil no Brasil: as brincadeiras e os jogos. Perspectivas em Diálogo: revista de educação e sociedade, 2017, 4.7 (2017): 51-63. Disponível em: <http://www.seer.ufms.br/index.php/persdia/article/view/2980/3279/>. Acessado em 21 de maio de 2019.

Escrever comentário sobre 13 brincadeiras folclóricas brasileiras

O que lhe pareceu o artigo?

13 brincadeiras folclóricas brasileiras
Imagem: diadeaprenderbrincando.org.br
Imagem: uol.com.br
Imagem: primeiramao.pt
1 de 4
13 brincadeiras folclóricas brasileiras

Voltar ao topo da página