menu
Partilhar

Jogos com cartas

 
Por Marina Corrêa, Editora. 17 maio 2021
Jogos com cartas

Jogar um baralhinho é sempre uma boa pedida. Numa tarde chuvosa, numa viagem entre amigos, num momento de tédio em casa sozinho/a ou acompanhado/a. Pensando nisso, hoje, no umCOMO, trazemos jogos com cartas para você ter diferentes opções de entretenimento com esse item que pode ser levado no bolso para qualquer lugar, mas que garante muitos momentos divertidos.

Teremos sugestões para jogar sozinho/a, em família, inclusive com crianças, com amigos e a versão +18 se quiser dar aquela apimentada na noite. Cartas em mãos e boa diversão!

Também lhe pode interessar: Jogos de cartas para duas pessoas

Tapão

Um dos jogos com cartas simples que podem ser jogados em família é o tapão. Dividia entre os participantes a quantidade de dois baralhos de 52 cartas, menos os curingas, deixando cada pessoa com uma quantidade igual de cartas.

Cada jogador deve ficar com as cartas nas mãos viradas para baixo, sem vê-las, e devem começar a jogá-las no centro da mesa em sentido horário cantando a ordem do baralho que é: A, 2, 3, 4, 5, 6, 7, 8, 9, 10, J, Q, K.

No momento que a carta jogada na mesa for igual ao que for cantado, isto, é, se ao falar A, coincidentemente você jogar um A, você ou qualquer outro participante deve bater (dar um tapão) sobre o bolo da mesa. O último a bater, isto é, quem tiver o reflexo mais lento ou estiver mais desatento, leva o bolo todo, que deverá ser acrescido às cartas que já tinha na mão.

Ganha quem terminar as cartas da mão primeiro!

Uma regra deve ser levada em consideração: as cartas devem ser jogadas no centro da mesa a certa distância, para que o jogador da vez não tenha vantagem para dar o tapão. E, apesar do jogo ter esse nome, cuidado com a força da batida, principalmente se estiver jogando com crianças.

Buraco

Clássico entre os jogos com cartas o buraco também é capaz de divertir toda a família. Para jogá-lo são necessários dois baralhos com 52 cartas cada, o curinga está fora. As cartas utilizadas são de A à K de cada naipe. Isto é: paus, ouro, espadas e copas.

Regras do buraco

Um dos participantes deverá ser o primeiro a distribuir as cartas, isto pode ser decidido em zerinho ou 1, sorteio de quem tira a maior carta ou como vocês decidirem. Quem for distribuir deve embaralhar as cartas e dar para a pessoa da esquerda cortar.

Após o corte, o responsável por dar as cartas deve distribuir, à partir da sua esquerda, 11 cartas para cada participante. Isso deve ser feito uma por vez, até cada pessoa ter o total de 11. O resto das cartas constituirá o maço ou monte de compra, que ficará no centro da mesa virado para baixo.

O primeiro a jogar é quem distribuiu as cartas. Ele deve tirar uma carta do monte. Se após ver a carta achar que não lhe servirá, poderá descartar para dar início ao bagaço ou lixo e comprar outra. Após comprar a segunda deverá descartar outra vez a que comprou ou alguma carta da mão que não vá lhe servir. Atenção: a compra dobrada só poderá ser feita pelo primeiro jogador, em seguida cada um deverá comprar uma e descartar uma.

Objetivo do jogo

No buraco, o objetivo é fazer sequências, isto é, A, 2, 3, 4... do mesmo naipe, ou trincas, todas as cartas do mesmo valor, isto é, J, J, J, que devem ser baixadas a partir de três cartas cada - tanto as trincas como as sequências.

Então, é o seguinte: Se você tem em mãos uma sequência de J, Q, K de ouro, você pode baixá-la. Ou uma sequência de três cartas do número 4, por exemplo, independente do naipe.

As sequências e trincas são feitas com o objetivo principal do jogo que é fazer canastras, isto é, conjunto de sete cartas do mesmo naipe ou valor.

O número 2 de qualquer naipe serve para ser inserido na sequência, isto é, A, 2, 3..., como para fazer as vezes de curinga, isto é, para substituir uma carta de uma sequência ou trinca que você não tenha em mãos.

As canastras com curinga valem 100 pontos, as canastras reais, isto é, as que são completadas sem curingas, valem 200.

Uma vez com as cartas baixadas, você pode ir adicionando cartas para ir completando-as.

Comprando o bagaço

Além de comprar as cartas do maço, os jogadores também podem comprar as cartas do bagaço, isto é, as de descarte, mas seguindo duas regras:

  • O jogador não poderá comprar somente uma carta do bagaço, deverá pegar todas elas e deixá-las em sua mão, descartando apenas uma.
  • Se o bagaço tiver somente uma carta, o jogador não poderá comprá-lo - caso o monte tenha acabado, o jogador passa a vez.

Pontuação

O jogo de buraco termina com o primeiro que completar 1500 pontos. Por isso existe a regra da vulnerabilidade. Como funciona?

Quando o primeiro jogador alcançar 750 pontos, ele não poderá mais baixar cartas indistintamente, só poderá baixar combinações que valham no mínimo 75 pontos cada. Caso baixe por engano ou de propósito, terá que recolher e só poderá baixar combinações de 90 pontos. E como saber o que vale 75 pontos?

Quanto vale cada carta no buraco

8, 9, 10, J, Q, K - 20 pontos cada

A - 15 pontos cada

2 - 10 pontos cada

3, 4, 5, 6, 7 - 5 pontos cada

Batida - 50 pontos

Canastra limpa - 200 pontos

Canastra suja 100 pontos

Os pontos do buraco são contados quando um jogador bate, isto é, finaliza todas as cartas que tenha em mãos. Vale ressaltar que um jogador só pode bater se tiver ao menos uma canastra feita, seja ela suja ou limpa.

Tranca

O jogo de tranca é parecido com o buraco, mas com algumas regras diferentes, as quais esclareceremos a seguir. As regras que não forem explicadas é porque são iguais às do buraco.

Assim como no buraco, na tranca o objetivo também é fazer canastras. Podem ser sequências (mesmo naipe) ou trincas (mesmo valor). Com diferença que não se pode utilizar o 2 nem 3, como explicaremos mais adiante, porque eles têm outras funções no jogo. Ou seja as sequências podem ser de 4 à A e as trincas podem ser feitas de todas as numerações, exceto 2 e 3. As diferenças entre tranca e buraco já começam na distribuição das cartas.

Distribuindo as cartas

Além da divisão de 11 cartas para cada participante, na tranca a pessoa da esquerda, que corta o baralho, deve ficar com uma parte dele para distribuir o morto, que são dois bolinhos, também de 11 cartas cada, que serão usados pelos dois participantes que baterem primeiro. Eles devem ficar separados num cantinho da mesa. Se só estão jogando duas pessoas, cada um tem direito a um morto.

Diferentemente do buraco, quem começa o jogo é quem deu o morto, não as cartas. O primeiro pode comprar e descartar duas vezes, como no buraco, e em daí em diante somente uma vez.

O papel do 3 na tranca

No buraco, o número 3 serve para completar sequências ou trincas, mas na tranca ele tem um papel de destaque especial.

O 3 preto, isto é de paus ou espadas,só serve para ser jogado fora, ou seja, você jamais poderá baixá-lo. O papel dele é impedir que o jogador seguinte possa comprar o bagaço em seguida.

O 3 vermelho, de ouro ou copas,te dá a vantagem de poder comprar uma carta do maço extra e você deve baixá-lo no canto da mesa imediatamente.

Porém ele é uma faca de dois gumes. Se você encerra o jogo com ao menos uma canastra, cada 3 vermelho valerá 100 pontos. Em contrapartida, se você termina o jogo sem canastra, cada 3 vermelho te tira 100 pontos, mas por regra, você sempre deverá baixá-lo imediatamente. Não pode ficar segurando para esperar fazer uma canastra.

Comprando o bagaço

Para comprar o bagaço na tranca o jogador deve ter ao menos duas cartas em mãos para baixar com a carta de cima do bagaço. Não pode comprar o bagaço para usar depois. O jogador que decidir comprá-lo deverá pegar todas as cartas e descartar apenas uma.

O papel do 2 na tranca

Assim como no buraco, o 2 serve como curinga para substituir uma carta que você não tenha. Mas, com uma diferença. Na tranca o 2 não poderá ser utilizado como parte da sequência.

Ele serve somente como curinga e uma vez colocado, a canastra sempre será suja, valendo, assim, 100 pontos.

O 2 tem outro papel de destaque na tranca. Uma vez colocado no bagaço, ele tranca a mesa, e diferentemente do 3 preto que só tranca para a pessoa seguinte, quando um 2 é jogado fora, a mesa só pode ser destrancada com uma condição.

Quem quiser comprar o bagaço terá que ter duas cartas iguais para baixar. Isto é, a mesa está trancada e foi jogado fora um 4. Se você tem dois 4 em mãos, poderá baixar essa trinca para comprar o bagaço. Ter um par é a única maneira de destrancar a mesa.

Como quando o 2 é jogado fora a mesa pode não ser destrancada imediatamente, ele deve ser colocado ao lado do bagaço de forma enviesada, como uma tranca, para todos saberem que o bagaço está trancado.

Batendo na tranca

A primeira batida da tranca te leva a pegar o morto. Essa primeira batida pode ser feita com canastra suja. Porém, uma vez você pega o morto, só poderá bater com pelo menos uma canastra real. O jogador que não pegar o morto perde 100 pontos.

No jogo de tranca a partida vale 3000 pontos e não existe a regra da vulnerabilidade.

Pontuação na tranca

Cada carta vale 10 pontos.

Canastra suja - 100 pontos

Canastra limpa - 200 pontos

Batida - 100 pontos

3 vermelho - 100 pontos para mais ou para menos (dependendo se você tem ou não canastra limpa)

Paciência

Também existem aqueles jogos com cartas para jogar sozinho. O mais famoso deles é o jogo de paciência ou solitário.

Para jogar paciência com cartas você precisará de um baralho completo, de 52 cartas que serão dispostas da seguinte maneira: um monte com uma carta virado para baixo, um com 2 cartas virado para baixo e assim por diante até formar um monte com 7 cartas.

O restante das cartas que sobrarão deverão ficar no monte compra. Reserve quatro espaços para a fase final do jogo chamado de montagem.

Como jogar paciência

Comece virando a carta de cima de cada monte, assim, você irá ver 7 cartas. O objetivo do jogo de paciência é formar no espaço da montagem quatro pilhas de cartas na sequência, isto é, de A a K, uma para cada naipe.

A ideia é ir movendo as cartas até conseguir formar a sequência em forma de coluna, mas não indiscriminadamente, as cartas devem ser movidas em cores alternadas e sempre deixar da maior para a menor.

Então, por exemplo, se na abertura das primeiras 7 cartas, você tem um 5 preto em uma coluna e um 4 vermelho em outra, você pode passar o 4 para a coluna do 5, abaixo dele, e abrir uma nova carta na coluna que estava o quatro.

Quando uma coluna ficar vazia coloca-se um K de qualquer naipe na casa. Quando acabarem as possibilidades de montagem nas colunas, deve-se comprar do monte.

Cada montagem deve começar com o A, então, ao encontrar o A de cada naipe, ele deve ser movido para o espaço destinado à montagem. Uma vez que você já tenha o A de algum naipe na montagem, pode ir passando as cartas seguintes do mesmo naipe, em ordem.

O jogo finaliza quando todas as pilhas de montagem estiverem completas, o A ao K.

Pif paf

Já ouviu falar em pif paf? Ele é um dos jogos com cartas bem simples e leves para distrair. Assim como o buraco e a tranca é jogado com dois baralhos de 52 cartas, excetuando os curingas.

Cada jogador deve receber 9 cartas e o objetivo do jogo é fazer 3 trincas ou sequências para bater. O pif paf é como se fosse uma versão pocket e bem simplificada do buraco.

Depois que todos os jogadores receberem 9 cartas cada um, o primeiro deve comprar do monte. Ver se consegue fazer uma sequência ou trinca ou não e descartar uma carta.

O primeiro a formar e baixar três sequências ou trincas é o vencedor.

Baralho sensual

O baralho sensual é um dos jogos com cartas para maiores de 18 anos, para apimentar o rolê. Como funciona?

Separem uma sequência, isto é de A a K, de copas, não por acaso, o naipe do coração. Determinem com uma legenda, o que cada número significa. Exemplo: 7 - mordida no lábio. 9 - beijo no pescoço... e o que mais der vontade e vocês estiverem dispostos a fazer.

Depois é hora de embaralhar e começar a tirar alternadamente as cartas do bolo para ver o que devem fazer. Se a disposição for grande ou quiserem variar ainda mais as opções podem usar também os outros naipes.

Mais jogos de cartas

Aqui no umCOMO também explicamos o passo a passo de como jogar outros jogos de cartas divertidos. Não deixe de conferir as regras:

Se pretende ler mais artigos parecidos a Jogos com cartas, recomendamos que entre na nossa categoria de Brincadeiras e jogos.

Escrever comentário

O que lhe pareceu o artigo?

Jogos com cartas
Jogos com cartas

Voltar ao topo da página